Floresta zero

We are waiting for the UN troops

in Amazonia (BR) and Campania (IT):

FOR HOW LONG? LET’S ACT NOW!

 

Enquanto isso, no campo

A grilagem continua,

A prática do escravismo,

A violência mais crua,

A agressão ambiental

Na flora se perpetua.

(Medeiros Braga 2007, O Cordel da Reforma Agrària)

Deeprecession acredita que YA BASTA! Os governos Lula tivem tempo demais, gastarom quase todo isso, e demonstrarom nao saber defender os intereses indios e da natureza (see our post 3 weeks ago, “Saudade de uma Amazonia perdida”, in occasion of Marina Silva’s exit). O tempo chegou de uma autoridade internacional entrar na Amazonia, com forças armadas das Naçoes Unidas, para defender o Patrimonio No.1 da Humanidade (a rainforest da Amazonia) dos atacos de fazenedeios e seus aliados em Brasilia.

Publicamos do sitio do Mov. Sem Terra:

Via Campesina exige rejeição do “Floresta Zero” pela Câmara

05/06/2008

Integrantes de entidades da sociedade civil e movimentos sociais – entre eles, a Via Campesina Brasil e o Greenpeace – participam da Comissão Geral sobre a Amazônia que acontece nesta quinta-feira (05/06), às 14h, no Plenário Geral da Câmara, para exigir a rejeição do Projeto de Lei 6.424/05, de autoria do senador Flexa Ribeiro (PSDB/PA), conhecido como ‘Floresta Zero’.

O Projeto, que passou no Senado e tramita na Câmara dos Deputados, autoriza a derrubada de até 50% da vegetação nativa em propriedades privadas na Amazônia e legaliza praticamente todos os desmatamentos que, nos últimos 40 anos, derrubaram cerca de 700 mil quilômetros quadrados da área original de floresta – o equivalente a quase três estados de São Paulo. O Projeto também desobriga os responsáveis pelos desmatamentos de recuperarem o que derrubaram, permitindo que um desmatamento realizado no Pará, por exemplo, seja compensado com o plantio de árvores no Rio de Janeiro.

“Ao invés de aumentar a proteção do meio ambiente e estabelecer metas para a redução do desmatamento, o Congresso Nacional estará dando as costas para a Amazônia e abrindo as portas para mais destruição, agravando uma situação que já coloca o Brasil na incômoda posição de quarto maior poluidor do clima do planeta”, afirma o documento que será distribuído pelos manifestantes a partir das 14h, no Salão Verde da Câmara.

 

FAQ: What has Camorra’s Campania to do with this?

NOTHING: just an emergency need of UN troops.

Cfr. Roberto Saviano (2006), Gomorra (various worldwide ed.).  A cameo adding to Loretta Napoleoni’s Rough Economy fresco: the South Tirrenic coast of Italy is  directly governed by multinationals (camorras, ndrangheta, mafia), the State has since long stopped to simulate a control, after having financed the Camorra’s take-off with fake earthquake compensations in the 1970s.  Corrupted and\or criminal politicians, like post-communist Bassolino, (No.1: as former Napoli Mayor, now Campania Governor) sold their soul, and Neapolitans to the camorras. The strongest clan, the Casalesi, has emitted a Fatwa to Roberto Saviano, obliged to live in legal clandestinity after his book.

Until the LIBERATION WAR will come: GARIBALDI 2.

Advertisements

The URI to TrackBack this entry is: https://enzofabioarcangeli.wordpress.com/2008/06/06/floresta-zero/trackback/

RSS feed for comments on this post.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: